Desafios da gestão e desafios dos relacionamentos

Seguem duas indicações de rápidas leituras bem interessantes. A primeira delas, da consultoria brasileira Amana-Key, resume com rara felicidade os principais desafios que toda organização enfrenta nos dias de hoje e para os quais ainda não há soluções disseminadas, embora haja alguns caminhos promissores. Segue o link:  www.amana-key.com.br/newsletters/jul2014 A segunda indicação trata dos efeitos no…

Read More »

Os efeitos do poder e a gestão das organizações

De acordo com as evidências científicas mais atualizadas, o poder faz com que as pessoas tendam a: – Priorizar seus próprios objetivos e desejos, em detrimento dos objetivos e desejos das outras pessoas – Deixar de considerar as perspectivas de terceiros – Ser menos cortezes – Agir de forma mais impulsiva e procurar satisfazer caprichos…

Read More »

O fetiche pelo bônus

É sintomático que o governo paulista tenha chamado o desconto na conta de água de bônus. É tão bonito chamar qualquer coisa de bônus. Os governos precisam sempre cuidar da gestão simbólica. Os símbolos, como ensinou o filósofo Robert Nozik, tem um valor independente das ações a que eles se vinculam. Qualquer governo tenta sempre…

Read More »

Reinventando as organizações

Uma tendência muito forte está se delineando na Administração e eu acredito que ela será determinante na forma de funcionamento e na estrutura das organizações no futuro próximo. Essa tendência se manifesta por meio de novas arquiteturas organizacionais e novas relações de poder que favoreçam a colaboração horizontal e a busca pela inteligência coletiva na…

Read More »

Quando sua opinião depende do que lhe interessa

“It is difficult to get a man to understand something, when his salary depends upon his not understanding it!” Upton Sinclair, escritor, falando de um fenômeno que viria a ser conhecido na literatura de psicologia social como viés de confirmação, self-serving bias ou my side bias, dependendo do caso. O fenômeno é mais poderoso na…

Read More »

Organizações ambidestras

Cada vez mais se questiona o papel de arquiteturas organizacionais tradicionais (isto é, como as organizações se estruturam formalmente), tendo em vista o reconhecimento de que essas estruturas não conseguem lidar bem com os desafios ambientais e os paradoxos da gestão contemporânea. Essa seção aqui do Harvard Working Knowledge (http://hbswk.hbs.edu/item/7282.html) sempre pergunta aos leitores a…

Read More »

O dinossauro da avaliação de desempenho

A consultoria Deloitte trouxe esse pequeno artigo (https://www.deloitte.com/view/en_US/us/Insights/Browse-by-Content-Type/deloitte-debates/aead610de9aa0410VgnVCM1000003256f70aRCRD.htm), discutindo os prós e contras da avaliação de desempenho nas empresas. É pequeno mesmo e vale a pena ler. Esse é um assunto ainda pouco resolvido na administração pública, em especial na brasileira. Chamou-me a atenção o foco do artigo da Deloitte em 2 aspectos muito importantes…

Read More »

Em se tratando de tempo, a decisão estratégica é sobre o que não deve ser feito

A administração do tempo é vital para conseguirmos trabalhar de acordo com os objetivos estratégicos considerados importantes nas organizações. Muitas vezes, por exemplo, a gestão de pessoas não é feita da maneira adequada porque os incêndios e o trabalho operacional dominam o nosso cotidiano. Isso se aplica também para outras atividades estratégicas, como a gestão…

Read More »